Quem somos | Materiais Educativos | Fale com nosso consultor
Post

Como vender plano de assinatura online

Tem crescido de forma exponencial nos últimos anos o número de serviços de assinatura online, seja em clubes de assinatura, serviços de streaming ou outro nicho. Mas vender plano de assinatura online requer conhecimento e planejamento. A falta deles podem quebrar a sua empresa.

Devido a ausência destes dois ingredientes citados, pode acontecer de você não saber onde estão as falhas que o seu negócio apresentam, com isso também não saberá o que precisa ser mudado para evitar o pior.

Leia também: Você sabe o que é plano de negócio?

Neste artigo vamos dar algumas dicas de como vender assinaturas pela internet e também manter o seu negócio. Boa leitura.

 

1 – Ofereça um bom atendimento ao cliente

Parece óbvio falar isso, mas oferecer um bom atendimento ao seu cliente é uma das coisas mais importantes que sua empresa precisa fazer.

Tem se tornado comum, empresas automatizar o atendimento ao cliente, utilizando chats com robôs ou robotizar o atendimento telefônico também.

Não há nada de errado em fazer isso, até mesmo porque este tipo de atendimento reduz e muito o número de chamados à sua equipe de suporte, uma vez que muitas vezes este setor é acionado para tirar dúvidas do usuário.

Mas nem sempre o atendimento robotizado é suficiente para a resolução do problema que fez com que seu cliente entrasse em contato com o suporte. Neste caso, será necessário um atendimento humanizado, seja por telefone ou chat.

O problema é que quando chega o momento deste atendimento, em muitos casos, o tempo de espera é bem maior do que deveria, fazendo, em muitas ocasiões, que o usuário desista de esperar e acaba não tendo o seu problema resolvido.

Isso causará uma grande insatisfação no seu cliente e pode até fazer com que ele cancele a assinatura do seu produto.

Portanto, ofereça ao seu cliente o melhor atendimento possível, uma vez que é ele quem gera praticamente toda a receita do seu negócio.

 

2 – Corrija as falhas que o seu cliente está apresentando

Por mais pronto que esteja o seu produto, pode ser que ele apresente alguma falha que não foi detectada por você ou sua equipe de testes e de repente o seu cliente se depara com o erro.

Normalmente, quando isso acontece, ele entra em contato com o seu suporte e informa o problema e aguarda a solução.

Este seria o mundo perfeito, mas acontece que em muitas empresas, estes problemas são relativizados e consequentemente esquecidos, já que o setor responsável pela correção acredita que um pequeno problema não interfira no funcionamento do seu produto.

Contudo, por menor que seja a falha encontrada e principalmente se for apontada por um usuário, ela deve ser corrigida. Caso contrário o cliente continuará com o problema, o que pode levar ao cancelamento da assinatura.

Portanto, não negligencie o que o seu cliente está dizendo, fique atento às suas reclamações.

 

3 – Invista no relacionamento

Quando você está namorando alguém e quer que este namoro venha se tornar um casamento, normalmente você vai investir neste relacionamento.

No meio empresarial é da mesma forma, você precisa estar investindo diariamente no seu relacionamento com seu cliente.

Mas como fazer isso?

Dê a ele conteúdo de valor. Se você, por exemplo, tem um clube de assinatura de cervejas artesanais, mostre ao seu cliente com qual tipo de alimento aquela bebida é melhor harmonizada.

Isso pode ser feito com e-mail marketing, nas suas redes sociais ou até mesmo no envio de encartes quando ele recebe o seu produto mensal em sua casa.

Veja também: 6 dicas de marketing para pequenas empresas

Faça pesquisas de satisfação periodicamente, saiba o que o seu cliente está achando do seu produto. Estreite os laços com ele o quanto puder.

 

4 – Promova uma boa experiência de compra

Dar ao seu cliente uma boa experiência de compra é um fator muito positivo para o decorrer do seu relacionamento com ele.

Para isso é preciso que você tenha um atendimento impecável, sendo ágil, prometendo somente o que possa cumprir.

O seu produto precisa ter a melhor qualidade possível, não a que você pode oferecer, mas a que o mercado exige.

Tenha também um ótimo pós vendas e faça com que seu cliente se sinta importante. Entre em contato com ele, veja se o seu produto está atendendo as necessidades dele e coloque-se à disposição caso ele necessite de algum atendimento.

Veja também: 5 modelos de negócios perfeitos para uso da cobrança recorrente

Mostre a ele todos os seus canais de suporte e financeiro. O seu cliente precisa se sentir a pessoa mais importante da sua empresa.

 

5 – Esteja aberto a mudanças

O mundo online está em constante mudança, isso vai do processo de compra até mesmo a entrega do seu produto. E por isso você precisa estar aberto a fazer mudanças sempre que necessário.

Muitas vezes você tem uma boa ideia do seu negócio, as coisas estão funcionando e gerando resultados. Contudo, uma mudança que acontece no meio digital, pode afetar o seu faturamento e é neste momento que precisará mudar.

Então, esteja sempre atento e disposto a rever suas estratégias.

 

6 – Automatize suas cobranças

Ter um sistema de cobrança automatizada é muito importante até mesmo para dar ao seu cliente uma boa experiência de compra.

Contar com um intermediador de pagamento, por exemplo, é uma boa alternativa para ter um sistema de cobranças eficiente.

Mas por que um sistema intermediador ao invés de um banco?

Simples! Porque o sistema te oferecerá muito mais recursos do que uma instituição bancária. Quando falo em recursos, estou me referindo a funcionalidades que um intermediador tem, sem contar nas tarifas que são muito menores do que as praticadas pelos bancos.

Te convido a conhecer o Padmoney, que é um sistema de gestão de pagamentos. Nele você só paga pela liquidação do boleto bancário, não havendo cobranças para emissão, cancelamento ou baixa. Também não há cobrança de mensalidades.

Essas foram as dicas que tenho para te dar sobre vendas de plano de assinatura online. Caso tenha alguma dúvida, deixe sua pergunta nos comentários.

Robelio Junior

Um mineiro graduado em computação, que se apaixonou pelo marketing digital e trabalha na área desde 2012. Torcedor do São Paulo Futebol Clube e chef de cozinha nas horas vagas.

Posts que você pode gostar

Post Gestão e Negócios

5 dicas de como fidelizar clientes

Post Parceiros

Módulo WHMCS – Padmoney e Gofas Software

Post Financeiro

Como diminuir a inadimplência no mercado imobiliário

Post Financeiro

Custo de cobrança: 5 dicas para reduzir o seu

Deixe seu comentário